Categorias
Redes Sociais

Quer trabalhar com mídias sociais? Veja quatro dicas para conseguir uma vaga

Quer trabalhar com mídias sociais? Veja quatro dicas para conseguir uma vaga

Mercado de profissionais para a área de mídias sociais está crescendo. Fique de olho em alguns detalhes que podem te ajudar na hora da entrevista.

Em um universo que já foi dominado por áreas como medicina, engenharia, direito e outras profissões, os trabalhos envolvendo a internet têm crescido de maneira constante – especialmente no que diz respeito às mídias sociais.

Só nos Estados Unidos, cerca de 30 mil vagas estão abertas para quem gosta e tem interesse em ingressar nesse mercado.

Mas, o que fazer para, digamos, se adequar a esse tipo de oportunidade? Antes de tudo, vale lembrar que não basta ter uma conta no Twitter ou Facebook.

Pensando nisso, o site Mashable listou quatro dicas que com certeza vão te ajudar quando o assunto são redes sociais, principalmente na hora de preencher uma vaga.

1. Quantifique suas experiências nas mídias sociais das empresas

Você já sabe que, antes de comparecer a uma entrevista de emprego, aconselha-se buscar conhecer a companhia e estudá-la, para se diferenciar dos demais candidatos.

E nas empresas de mídias sociais não é diferente.

Contudo, é necessário se mostrar ativo e interessado nas ferramentas sociais da companhia – tudo, claro, de maneira discreta e informal, pois lembre-se: você está falando com alguém de maneira profissional, e não com um amigo, por exemplo.

Muitos entrevistadores questionam qual foi a importância das redes sociais em experiências de trabalho anteriores.

Logicamente, quanto mais experiências, melhores chances do empregador perceber que você tem potencial para administrar funções da área.

Feito isso, como dar o seu melhor e conseguir um emprego? Primeiro, certifique-se de quantificar o impacto das redes sociais durante sua última experiência profissional.

Seu currículo ou carta de apresentação, por exemplo, podem fornecer alguns dados específicos sobre sua participação nesses sites.

Algo como “Ajudei a estabelecer um aumento de duas vezes o tráfego de usuários no Twitter para nossa página de produtos, o que resultou em um crescimento de 50% na receita trimestral”, ou até “Auxiliei no aumento de participação dos internautas no Facebook: de uma média de 24 comentários por semana, saltou para 75, em um período de três meses”.

2. Prepare o caminho para ser bem visto na web

De acordo com Amy Porterfield, uma consultora de mídias sociais americana, “quando existe a oportunidade de contratação para cargos em mídias sociais, as empresas vão buscar informações sobre você, antes de qualquer outro lugar, na internet”.

E é verdade. Para se ter uma ideia, 69% das empresas já rejeitaram candidados por causa de sites de relacionamento, e 47% dos recrutadores realizam pesquisas sobre o entrevistado nas redes em que estão cadastrados.

Nesse caso, é recomendado que você otimize seu Facebook, LinkedIn, Twitter ou qualquer conta em outros sites, e que você acrescente todos eles em seu currículo.

A participação também é fundamental, como ter um blog e atualizá-lo com frequência, ou fazer um canal de vídeos no YouTube.

Estes são apenas alguns exemplos de como mostrar que você já domina habilidades nas mídias sociais.

3. Faça cursos online de mídias sociais

Algumas universidades gastam mais tempo com conceitos sobre marketing e não investem tanto em ferramentas online.

Com isso, uma maneira de se diferenciar e buscar conhecimento é se matricular em programas de formação profissional, que trabalham em habilidades para aumentar seu desempenho e acrescentar maiores especificações ao seu currículo.

4. Por último, e não menos importante: não seja “careta”, e sim descontraído

Geralmente, muitas vagas de emprego exigem certos comportamentos para os entrevistados.

Algumas pessoas, por exemplo, não gostam de trabalhar com roupas mais sociais e, em outros casos, efetuam funções mais fechadas e mecânicas, sem direito à opinião.

No entanto, a mídia social é baseada totalmente na personalidade do indivíduo ou da empresa.

Dessa forma, o candidato pode expressar seu senso de humor, ser criativo e um grande comunicador diante daquilo que gosta de fazer – tudo para impressionar os recrutadores.

Fonte: OlharDigital

Categorias
Facebook

Facebook libera novo perfil para celular

O Facebook liberou ontem seu novo perfil, conhecido como Linha do Tempo, para todos os usuários web. E hoje a rede social disponibilizou o acesso para dispositivos móveis.

perfil para celular
Facebook libera novo perfil para celular

O novo perfil para celular com a Linha do Tempo pode ser acessado por meio do celular através do endereço móvel da rede social e também para usuários de dispositivos Android que utilizam o aplicativo do Facebook (versão 1.8.1).

Entre as novidades, a nova interface irá agregar todos os conteúdos compartilhados pelo usuário divididos de acordo com seu ano de publicação.

Já a versão para celular é um pouco mais enxuta e agrupa as informações em uma única coluna. Porém, álbuns de fotos e outros posts podem ser arrastados horizontalmente.

Fonte: OlharDigital

Categorias
Facebook

Facebook libera novos perfis para usuários brasileiros

Facebook libera novos perfis para usuários brasileiros

O Facebook começou a liberar nesta quinta-feira (15) o Timeline, novos perfis de layout de sua interface, para usuários brasileiros.

Para obter a nova interface, o usuário deve ir à página https://www.facebook.com/about/timeline e clicar em “Obter a Linha do Tempo”.

O usuário que fizer a mudança tem uma semana para testar o novo formato e decidir se aprova a migração.

A mudança para os novos perfis começou no último dia 06, a partir da Nova Zelândia.

Entre as novidades, a nova interface irá agregar todos os conteúdos compartilhados pelo usuário divididos de acordo com seu ano de publicação.

Além disso, a rede social vai ganhar uma série de novos apps, como os do Spotify e da Netflix.
Em sua nova fase, mais do que continuar crescendo, o Facebook pretende manter os usuários engajados dentro da plataforma. Assim, não será preciso sair da rede social caso o usuário queira ouvir uma música ou ver um filme.

O Facebook é a maior rede social da atualidade, com 800 milhões de usuários. No Brasil, cerca de 30 milhões de pessoas acessam o serviço.

 

Fonte: Info

Categorias
Tablet

Tablet Motorola Xoom 2: confira as primeiras impressões do aparelho

Tablet Motorola Xoom 2: confira as primeiras impressões do novo aparelho

Gadget  da motorola chega menor que o modelo anterior, porém traz novidades em aplicativos, acessórios e sistema de áudio.

Stephanie Kohn

A Motorola apresentou nesta quarta-feira (14/12), durante evento em São Paulo, o Xoom 2, o novo tablet da fabricante.

O aparelho chega menor, mais leve e cheio de novidades, a começar pelo Android 3.2.

Assim como comentou Edson Bortolli, diretor de Produtos Móveis da Motorola Brasil, o tablet é um meio termo para quem quer portabilidade e boa experiência de navegação. Isso porque sua tela diminuiu, porém, não perdeu a qualidade.

O display HD tem 8.2 polegadas, 1200 x 800 de resolução e vem com a tecnologia Gorilla Glass, já vista no modelo do smartphone RAZR.

Esse acabamento na tela resiste a respingos e pode ampliar suas possibilidades de uso.

Além disso, o aparelho possui um grande ângulo de visualização de 178°, que facilita a leitura – mas, por outro lado, é um problema relacionado à privacidade, já que alguém ao seu lado poderá enxergar tudo na sua tela.

A companhia optou por mudar o tamanho do equipamento, depois de diversas pesquisas. O interessante é que por ser leve (386 gramas) e ter o retrato como posição primária, ele lembra muito um e-reader.

O tablet tem um sistema de áudio stereo 2.1 adaptável, o que torna a experiência sonora bem mais completa. O aparelho possui dois alto falantes em uma das bordas e outra saída de áudio que funciona como subwoofer.

O legal é que o sistema sonoro permanece igual em qualquer posição, pois ele troca as funções dessas saídas, conforme o arranjo do aparelho.

O resultado é uma imersão maior no áudio de vídeos e músicas.

Outra novidade que torna o Xoom 2 atrativo é a aplicação Dijit, que funciona como um controle remoto universal. Com ela, o tablet se comunica, via infravermelho, com uma infinidade de aparelhos.

O usuário pode montar diversos ambientes com vários equipamentos e controlar um home theater inteirinho, por exemplo.

Para cadastrar os equipamentos não é necessário conexão com a internet, basta que o infravermelho esteja funcionando.

O Xoom 2 ainda vem com alguns aplicativos pré-carregados como o Netflix, que dá um mês gratuito para o usuário a partir da compra do dispositivo e o MotoCast, que também já pôde ser visto no RAZR.

Esta aplicação funciona como um Dropbox ou qualquer outro app de computação na nuvem.

A pessoa carrega seus computadores no tablet e escolhe quais pastas e arquivos quer ter disponível nele. Com isso, o usuário escuta músicas por streaming, caso o PC ou Mac estejam online, ou faz o download desses arquivos para serem acessado offline.

O dispositivo também traz aplicações para o mercado corporativo como o QuickOffice, que é uma espécie de Power Point e o Motoprint, que imprime documentos, imagens e páginas da web em impressoras que estejam na mesma rede Wi-Fi.

De acordo com o diretor de produtos, os apps corporativos foram adicionados em cima da plataforma do Google para atender às exigências de segurança de algumas empresas.

Uma novidade legal são os acessórios, ainda sem previsão de chegada no Brasil.

O tablet possui duas opções de teclado wireless (um com trackpad e outro com trackball), uma capa de proteção bastante parecida com a do iPad, cabo HDMI e adaptador de cabo USB.

E o mais legal: uma base para o tablet com saída para vídeo, áudio e mais três portas USB. Com esse acessório, o usuário pode, facilmente, transformar o Xoom2 em uma estação de trabalho completa.

Em termos de hardware, o aparelho vem com processador superior ao modelo anterior: Dual-Core de 1.2 GHz.

Fora isso, ele possui memória RAM de 1 GB e armazenamento de 32 GB com suporte para cartão de memória micro SD de até 64 GB.

O tablet só possui conexão Wi-Fi, porém, Eduardo garantiu que um modelo 3G deve ser lançando ainda no primeiro trimestre de 2012.

O Xoom 2 chega às lojas brasileiras no dia 20 de dezembro por R$ 1.299, mas não deve substituir o primeiro modelo do tablet, que continuará à venda no próximo ano.

 

Fonte: Olhar Digital

Categorias
Facebook

Você sabe que existe uma caixa de mensagens “escondida” no Facebook?

Você sabe que existe uma caixa de mensagens “escondida” no Facebook?

Rede social conta com duas caixas de mensagens: uma com o que foi enviado por amigos e uma “escondida” com mensagens de páginas.

Você pode estar recebendo muito mais mensagens no Facebook do que a rede social avisa que você recebe.

O Facebook conta com duas caixas de entrada e mostra notificações apenas do que for recebido em uma delas – a dos seus amigos.

A parte de mensagens do Facebook é dividida em duas. A primeira – a que você recebe notificações – conta apenas com o que foi enviado pelos seus amigos na rede social.

A outra, escondida, mostra mensagens enviadas por pessoas que não estão nos seus contatos e por páginas que você curtiu, ou de eventos que você confirmou presença.

Para ver as mensagens escondidas e, talvez, encontrar algo importante perdido na rede social, basta clicar na parte “Mensagens” no menu da esquerda do Facebook.

No mesmo menu, logo abaixo do link “Mensagens”, o usuário encontrará uma parte “Outras”. Aí ficam todos os recados enviados para você que não foram notificados pelo Facebook.

Não há uma opção para fazer com que o Facebook passe a notificar as mensagens que vão para a outra caixa de entrada, então, se você acha que algo importante pode chegar por lá, a única coisa a fazer é entrar frequentemente para ver quando algo novo aparece.

 

Fonte: Olhar Digital

Categorias
Notícias

Chrome poderá se tornar plataforma para games

plataforma para games
Game “Bastion”, para Xbox, já pode ser encontrado para o Chrome

Plataforma para games? O Google exibiu uma nova ferramenta que permitirá aos produtores e desenvolvedores criar versões de games para o navegador Chrome.

A ideia do Google seria adaptar jogos originalmente criados para consoles e PCs, para que rodem diretamente no navegador.

A tecnologia batizada de “Native Client” (NaCI) foi desenvolvida pelo Google durante três anos e segundo a empresa terá poder o suficiente para que consiga rodar jogos na atual versão do Chrome.

Em um evento para imprensa na última semana, o Google exibiu alguns jogos criados para console rodando no navegador. Entre eles, deu destaque ao game “Bastion”, para Xbox Live, já adaptado ao browser e que pode ser comprado por US$ 14,99 na Chrome Web Store.

Porém, para que um game deste porte rode normalmente no Chrome, a máquina deverá possuir uma boa configuração. No caso do Bastion, é necessário um processador dois núcleos de 1,7GHz, 2GB de RAM, 1GB de espaço no HD e placa de vídeo com 512MB de memória e com suporte ao Shader Model 2.

Segundo o Google, o Chrome, que hoje possui mais de 200 milhões de usuários, poderá futuramente se tornar uma grande plataforma online de jogos e destacou que novos games como “Mini Ninjas” (da produtora Square Enix, mesma do jogo Final Fantasy) chegará em breve ao navegador.

Fonte: Info

Categorias
Tecnologia

Designers criam baterias que utilizam até a última gota de energia para evitar desperdícios

Baterias são pressionadas em um pequeno dispositivo para que sua carga seja usada por completo.

baterias
Baterias criadas por Designers

Às vezes você precisa utilizar pilhas ou baterias, mas não sabe qual é a carga restante de cada uma delas? Ou simplesmente não aguenta mais ter que comprar pilhas e outros itens toda semana? Pois um conceito inovador promete acabar com esses problemas.

A ideia, chamada “One = Two”, partiu dos designers Huang Kun, Meng Xun, He Ting e Liu Yuan, e foi divulgada no site Yanko Design.

Trata-se de uma bateria em forma de pilha que fornece uma ótima maneira de mostrar como anda a carga do produto e usar até sua última gota de energia.

O funcionamento é bem simples: quando duas baterias gastam toda a energia a ponto de não serem mais capazes de alimentar algum dispositivo eletrônico, ambas são colocadas em um pequeno compartimento que vai pressioná-las, permitindo que toda a carga “escondida” seja utilizada.

Resumidamente, o conceito visa extrair a energia que ainda fica armazenada nas baterias, com um processo semelhante ao de expremer laranjas para se adquirir todo o suco da fruta, por exemplo.

Dessa forma, as baterias têm total aproveitamento e evitam maiores desperdícios. Veja na imagem abaixo:

Designers criam baterias que utilizam até a última gota de energia para evitar desperdícios

É claro que esse tipo de produto, no caso as pilhas, se tornou um tanto ultrapassado na geração atual. Mas o “One = Two” pode ser o primeiro passo para uma linha de baterias que, no futuro, possam utilizar sua energia por completo.

Fonte: OlharDigital

Categorias
Tecnologia

Ford aprimora o EDGE com muita tecnologia e comandos de voz em português do Brasil

comandos de voz
Ford aprimora o EDGE com muita tecnologia e comandos de voz em português do Brasil

Rafael Arbulu

Além de integração total com nosso idioma, SUV traz versão melhorada do sistema de interatividade Sync.

Em evento promovido nesta terça-feira (06/12), a Ford apresentou à imprensa a nova versão de seu crossover, o Ford EDGE, previsto para chegar às concessionárias do país em janeiro de 2012.

Dentre os novos recursos tecnológicos, anunciados pela equipe de engenharia da Ford, o robusto automóvel agora conta com comandos de voz em português do Brasil em praticamente todas as funções do carro: você poderá fazer coisas já existentes, como ligar/desligar o rádio, mas o controle também se estende a realizar chamadas do seu smartphone, “pedir” ao sistema que leia SMSs em voz alta e controlar o ar-condicionado.

A isso, a Ford deu o nome de “Sync”, algo já presente em versões anteriores do EDGE e alguns outros veículos da montadora, mas aprimorado para a versão 2012 deste SUV.

O novo Sync, que integra o controle de voz em português ao carro, também traz o acionamento do motor por acesso remoto ou toque.

No primeiro caso, três mini-antenas detectam a presença da chave de ignição (por exemplo, no seu bolso) e o EDGE automaticamente dá a partida. Já no segundo, um botão no painel liga o automóvel.

Esses mesmos sensores de proximidade também permitem abrir e fechar as portas e, uma vez dentro do carro, essas antenas farão o monitoramento de todos os ângulos do EDGE, alertando o motorista de qualquer aproximação externa não vista.

As janelas laterais e o pára-brisa possuem uma camada de policarbonato, a mesma usada na blindagem de veículos, que, de acordo com a equipe de engenharia da Ford, isola completamente sons exteriores.

No exemplo dado durante a apresentação, “uma moto pode passar ao seu lado, em um corredor, no engarrafamento, que você não vai ouví-la”.

O EDGE também conta com o que a Ford chama de “análise completa de ambiente e perfil”. Basicamente, esse sistema calcula a severidade de um eventual acidente, determinando o nível da pré-tensão do cinto de segurança, o acionamento de air bags (aqui, levando em conta também o peso de quem está sentado).

Ainda em caso de acidente, o carro tem “garantia de abertura das portas” – mesmo diante do dano à trava, consequência de uma batida lateral, por exemplo.

O mais interessante, porém, é a questão de segurança, enfatizada pelo recurso que a Ford chamou de “My Key”: usando o exemplo dado pela empresa, vamos supor que você tenha um filho de 19 anos e queira emprestar o seu EDGE para ele.

É possível, através de um recurso embarcado na própria chave de ignição, que você determine a velocidade máxima a que o carro vai percorrer as ruas, além de “obrigar” seu filho a usar os sensores sonoros de proximidade traseira/dianteira, evitando possíveis acidentes.

Outro aspecto que chamou atenção é o “Valet Mode”, onde você consegue determinar qual o nível de controle que um manobrista terá ao estacionar seu veículo: ele não poderá, caso você não queira, mexer no rádio ou então fazer alterações mínimas na regulagem dos assentos.

O Ford EDGE tem GPS integrado, assentos de couro vindos de fábrica e está previsto para lançamento na segunda quinzena de janeiro. O preço varia de R$ 119.900 a R$ 133.000, dependendo dos acessórios.

 

Fonte: Olhar Digital

Categorias
Facebook

Vídeo mostra como seria o mundo sem o Facebook

Sátira mostra como seria a continuação do filme “A Rede Social”, com um Zuckerberg suicida apagando todo o código do Facebook.

mundo sem o Facebook
Vídeo mostra como seria o mundo sem o Facebook

Rotineiramente, checamos e-mails, mensagens e, principalmente, nossos perfis nas redes sociais.

Mas, você já parou para pensar em como nossas vidas e o mundo seriam sem o Facebook?

Um vídeo divulgado no Youtube faz essa sátira e nos mostra como as pessoas agiriam após a queda da grande rede social.

Chamado de “A Rede Social 2”, o vídeo é uma simulação de um trailer para a sequência do filme que conta a história da criação do Facebook.

Ele já tem mais de 140 mil visualizações e foi produzido pela Nice Piece Productions, de John Gasienica e Bennet Silverman. No curta, as pessoas começam a ter as mesmas atitudes na vida real que tinham no Facebook.

Cutucar, “curtir”, solicitar amizade e diversas outras ações feitas no Facebook se transportam para as ruas, casas, festas – ou seja, para o mundo real.

O vídeo serve para mostrar como ficamos um pouco – ou muito – dependentes das redes sociais, principalmente em nossas relações com amigos e outras pessoas.

Em um trecho, várias garotas falam “curtir”, fazendo o famoso “jóia” com as mãos, mostrando que aprovam o quadro que uma amiga fez.

Em outro, um garoto grita na rua “Olhem para minha cachorrinha fofinha, ela não é adorável?”, segurando o cão para cima, como se estivesse postando uma foto dele em seu mural e esperando que todos comentem sobre ele. Até as configurações de segurança não escapam da sátira.

Fonte: Olhar Digital

Categorias
Games

South Park: The Game deve ser lançado no segundo semestre de 2012

South Park: The Game deve ser lançado no segundo semestre de 2012

Jogo será um RPG escrito e dublado pelos criadores da série e desenvolvido pela Obsidian Entertainment.

Finalmente a equipe de criação do seriado South Park conseguiu desenvolver um game sobre a animação. De acordo com o site Ubergizmo, o “South Park: The Game” deverá ser lançado no segundo semestre de 2012.

O jogo será dublado e escrito por Matt Stone e Trey Parker, os cérebros por trás da série. E o desenvolvimento será da equipe criadora do Fallout: New Vegas, RPG pós-apocalíptico para computadores e consoles desenvolvido pela Obsidian Entertainment.

O game será um RPG em que o jogador é obrigado a fazer amizade com os estudantes do South Park Ementary. Além disso, o gamer terá de defender a cidade contra alguns inimigos da série.

“South Park: The Game” deve ser disponibilizado para PlayStation 3, Xbox 360 e computadores que rodam Windows.

Via OlharDigital