Imagem Divulgação

Imagem Divulgação

Material é 80% translúcido e quatro vezes mais resistente que o vidro; mas é caro

A Microsoft tirou a criação de seu relógio inteligente das mãos do pessoal da Xbox e a colocou nas do time Surface. À medida que o dispositivo chega “mais próximo da realidade”, a companhia decidiu mudá-lo de ambiente, segundo fonte do Verge.

Outro site, o AmongTech, publicou que o relógio já vem sendo usado como protótipo e que ele é feito de um material 80% transparente chamado oxinitreto de alumínio – que é quatro vezes mais resistente que o vidro e bem caro, também.

Contradizendo o Verge, a fonte do AmongTech diz que ao deixar o time Xbox para trás, o relógio ganhou seu próprio departamento dentro da Microsoft.

O produto viria com pulseiras removíveis em várias cores (azul, vermelho, amarelo, preto, branco e cinza). Seria equipado com uma versão adaptada do Windows 8, conexão 4G LTE, 6 GB de armazenamento – que será usado mais para o sistema operacional – e acesso à nuvem.

Há como ligar o aparelho ao smartphone e, assim, receber notificações e controlar recursos como o tocador de música pelo relógio.

Via: Olhar Digital