Início » Vídeo mostra como seria o mundo sem o Facebook

Vídeo mostra como seria o mundo sem o Facebook

Sátira mostra como seria a continuação do filme “A Rede Social”, com um Zuckerberg suicida apagando todo o código do Facebook.

mundo sem o Facebook
Vídeo mostra como seria o mundo sem o Facebook

Rotineiramente, checamos e-mails, mensagens e, principalmente, nossos perfis nas redes sociais.

Mas, você já parou para pensar em como nossas vidas e o mundo seriam sem o Facebook?

Um vídeo divulgado no Youtube faz essa sátira e nos mostra como as pessoas agiriam após a queda da grande rede social.

Chamado de “A Rede Social 2”, o vídeo é uma simulação de um trailer para a sequência do filme que conta a história da criação do Facebook.

Ele já tem mais de 140 mil visualizações e foi produzido pela Nice Piece Productions, de John Gasienica e Bennet Silverman. No curta, as pessoas começam a ter as mesmas atitudes na vida real que tinham no Facebook.

Cutucar, “curtir”, solicitar amizade e diversas outras ações feitas no Facebook se transportam para as ruas, casas, festas – ou seja, para o mundo real.

O vídeo serve para mostrar como ficamos um pouco – ou muito – dependentes das redes sociais, principalmente em nossas relações com amigos e outras pessoas.

Em um trecho, várias garotas falam “curtir”, fazendo o famoso “jóia” com as mãos, mostrando que aprovam o quadro que uma amiga fez.

Em outro, um garoto grita na rua “Olhem para minha cachorrinha fofinha, ela não é adorável?”, segurando o cão para cima, como se estivesse postando uma foto dele em seu mural e esperando que todos comentem sobre ele. Até as configurações de segurança não escapam da sátira.

Fonte: Olhar Digital

PUBLICIDADE

Compartilhe...

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Afraneo Galan

Afraneo Galan

Fundador da Lemonblue, atua com internet e marketing digital há mais de 15 anos. Formado em Comunicação Digital, já trabalhou com grandes clientes e portais de conteúdo como G1, Globo.com, Claro, MTV e Oi FM.
PUBLICIDADE

Buscar notícia

PUBLICIDADE