Coca-Cola (re)desenha suas garrafas

Antes de estranhar o formato quadradinho, que lembra uma tetra-pak, preste atenção nos detalhes. A boca foi colocada em um canto, o que facilita para quem quer tomar direto do gargalo – e a quantidade de refrigerante dentro continua a mesma.

No entanto, essas garrafas transformam a estrutura curvilínea da Coca-Cola (e da maioria dos refrigerantes) em cúbicas, permitindo um ganho de espaço em armazenamento em transporte.

Sendo 25% mais “magras” do que a garrafa comum, elas acabam sendo 27% mais eficientes – já que todo o transporte, inclusive para a reciclagem, é mais fácil. Ela é 100% feita de subprodutos da cana de açúcar (nada de petróleo) e, ao ser amassada, fica 66% menor que as garrafas normais (ou seja, cabem mais garrafas no veículo de coleta).

Todas as medidas da nova garrafa também foram pensadas para se encaixarem nas máquinas de venda de refrigerante e geladeiras já existentes. Boa surpresa também é saber que um projeto bem pensado (e bonito) como esse surgiu como trabalho de faculdade do designer Andrew Seunghyun Kim. Será que a Coca Cola teria interesse em investir nesse tipo de mudança?

Confira algumas fotos:

FONTE: INFO Blogs (por Paula Rothman)

Deixe sua dúvida ou comentário

Isso pode te interessar