Categorias
Coca-Cola

Coca-Cola prepara lançamento de rede social de fotos

Happy Places propõe o compartilhamento de imagens de tudo o que nos faz felizes

Imagem Divulgação

O Pão de Açúcar já usou a pergunta “O que faz você feliz?” em suas campanhas. Agora, é a vez da Coca-Cola usar a mesma questão como ponto de partida de Happy Places, uma nova rede social dedicada a fotografias, mais ou menos nos mesmos moldes do Instagram. A marca já lançou um aplicativo para iPhone gratuito (que por enquanto não dá para baixar se a sua conta é do Brasil, então já dá para responder que isso NÃO faz muita gente feliz), onde é possível compartilhar imagens de coisas que nos fazem felizes. Ou, como diz o material de divulgação:

SEU DIA, SEUS AMIGOS, SUAS VIAGENS, SUA MÚSICA… SUA VIDA É REPLETA DE MOMENTOS FELIZES DIGNOS DE SEREM GUARDADOS E COMPARTILHADOS. HAPPY PLACES DA COCA-COLA É O LUGAR ONDE VOCÊ PODE SUBIR FOTOS DE SEUS MOMENTOS FELIZES, COMPARTILHA-LOS E LEMBRA-LOS A QUALQUER MOMENTO. TIRE UMA FOTO OU ESCOLHA UMA DOS SEUS ÁLBUNS, ADICIONE AO SEU PERFIL E COMPARTILHE AQUELE MOMENTO DE FELICIDADE COM SEUS SEGUIDORES EM HAPPY PLACES, OU SEUS AMIGOS NO FACEBOOK OU TWITTER.

Imagem Divulgação

Ainda não há muitos detalhes sobre o produto, mas segundo o Popsop, devem pintar novidades quando o site do Happy Places entrar no ar. Por enquanto, o que dá para saber é que o aplicativo não usa filtros, como o Instagram, ou conta com qualquer outro diferencial artístico, tendo apenas o nome da Coca-Cola para chancelar a existência de mais uma rede social. A pergunta é: será que é o suficiente?

Os usuários do aplicativo podem criar um perfil, navegar pelas fotos e receberem notificações de novas imagens relacionadas com seus interesses.Da mesma maneira que acontece em outras redes sociais, o uso de hashtags permite que os usuários encontrem com maior facilidade coisas felizes que eles têm em comum com outras pessoas. É aguardar para ver.

Via: Brainstorm #9

Categorias
Curiosidades

Coca-Cola (re)desenha suas garrafas

Antes de estranhar o formato quadradinho, que lembra uma tetra-pak, preste atenção nos detalhes. A boca foi colocada em um canto, o que facilita para quem quer tomar direto do gargalo – e a quantidade de refrigerante dentro continua a mesma.

No entanto, essas garrafas transformam a estrutura curvilínea da Coca-Cola (e da maioria dos refrigerantes) em cúbicas, permitindo um ganho de espaço em armazenamento em transporte.

Sendo 25% mais “magras” do que a garrafa comum, elas acabam sendo 27% mais eficientes – já que todo o transporte, inclusive para a reciclagem, é mais fácil. Ela é 100% feita de subprodutos da cana de açúcar (nada de petróleo) e, ao ser amassada, fica 66% menor que as garrafas normais (ou seja, cabem mais garrafas no veículo de coleta).

Todas as medidas da nova garrafa também foram pensadas para se encaixarem nas máquinas de venda de refrigerante e geladeiras já existentes. Boa surpresa também é saber que um projeto bem pensado (e bonito) como esse surgiu como trabalho de faculdade do designer Andrew Seunghyun Kim. Será que a Coca Cola teria interesse em investir nesse tipo de mudança?

Via INFO Blogs (por Paula Rothman)

Categorias
Curiosidades

Evolução Coca-Cola

Para quem curte uma “Coca Gelada” (como eu) vai gostar de ver a evolução das garrafas ao longo do tempo.

PS. A primeira garrafa na verdade era um frasco de remédio (ou melhor, de xarope). A Coca-Cola foi criada pelo farmacêutico John Pemberton em 1886 e originalmente produzida como um remédio patenteado… conheça a história completa aqui!